Share, , Google Plus, Pinterest,

Imprimir

Posted in:

Carreira do Profissional de Educação Física: Quais Áreas posso Atuar?

Antes de falarmos sobre a Carreira do Profissional de Educação Física, precisamos voltar um pouco no tempo e entender como funciona essa profissão, e a importância do movimento humano.

Desde os primórdios da humanidade o homem realiza seus movimentos corporais básicos, como:

  • Correr
  • Saltar
  • Arremessar
  • Puxar

A evolução do homem e da sociedade fizeram com que esses movimentos naturais fossem incorporados a exercícios sistemáticos.

Na época do Brasil Império, a prática de exercícios foi introduzida nos currículos escolares. Mas foi apenas na início da República brasileira é que começou a profissionalização da educação física.

Já na ditadura, a educação física era utilizada como propagando do governo através dos esportes de alto rendimento, não para fins educativos.

Após o final da ditadura a educação física ganha um novo propósito: seu foco é a sociedade, promovendo à saúde acessível a todo, se manifestando em:

  • Educação
  • Rendimento
  • Participação das Pessoas em Programas de Atividades Físicas

Valores esses que continuem sem alteração até os dias atuais.

A profissão de educação física interfere demasiadamente na vida de crianças, jovens, adultos e idosos, pois atua sobre o movimento humano.

E ensinar como se movimentar corretamente é importante não só para o desenvolvimento físico, mas para o desenvolvimento emocional, cognitivo e social em todas as fases da vida.

Incentivar a prática de atividades físicas, seja em uma simples ida até o mercado a pé ou a execução de exercícios sistematizados é uma das funções do profissional da educação física.

Carreira do Profissional de Educação Física tem uma papel de grande relevância para a sociedade, mesmo não sendo tão reconhecido como se espera!

Esse profissional motiva a prática de atividades e faz com que as pessoas se engajem em programas de exercícios, tanto nas escolas quanto em outros locais, trazendo inúmeros benefícios pessoais e coletivos.

E para que isso seja possível, o profissional deverá graduar-se no curso superior de Educação Física, optando pela licenciatura ou o bacharelado, conforme a área de atuação.

Ou também poderá graduar-se nas duas opções, já que a base curricular de ambas é a mesma. Assim, poderá concluir as duas graduações com um ou dois anos a mais de curso.

Dessa forma, com a licenciatura e o bacharelado, terá uma gama de opções para atuar, podendo ser:

  • Em Escolas
  • Clubes
  • Academias
  • No Esporte de Alto Rendimento
  • Como Personal Trainer
  • Em Empresas
  • Entre Outras Áreas

Tudo dependerá da área que a pessoa mais se identifica para trabalhar. Vamos saber mais sobre a Carreira do Profissional de Educação Física?

Profissão Educação Física

Vamos conferir a história da Carreira do Profissional de Educação Física?

No Brasil, o campo de atuação do professor de educação física na década de 80 deixa de ser exclusivo da escola. E nesse contexto começam as iniciativas de regulamentar a profissão e adotar o termo “profissional da educação física”.

A partir dessa época várias transformações ocorreram desde a implantação de cursos de pós-graduação, ampliando as áreas de especialização até a criação da lei que torna a educação física facultativa na educação básica (Lei 9394/96).

A consequência desse fato é uma alta taxa de desemprego e um aumento da concorrência no mercado de trabalho no país.

Na década de 90 foi sancionada a Lei 9696/98 que reconhece a prerrogativa e a competência dos profissionais de educação física para planejar e executar programas, assim como prestar serviços especializados nas áreas das atividades físicas e dos desportos.

Esta Lei criou o Conselho Federal de Educação Física (CONFEF) e os conselhos regionais, além de ter ampliado a oferta do curso de educação física em instituições de ensino superior.

Ainda no final da década de 90 havia debates sobre a estrutura curricular dos cursos de graduação decorrentes da divisão do curso de educação física em licenciatura e bacharelado.

E foi no ano de 2002 que o Conselho Nacional de Educação firmou essa separação, continuando até os dias atuais, resultando em duas “identidades profissionais” dentro da educação física.

Em 2003, através de uma Lei Federal a educação física foi reconduzida como componente curricular obrigatório em todas as séries do ensino fundamental na rede pública. Isso colaborou na oferta de empregos para os recém formados em licenciatura.

Em contrapartida, houve uma ampliação das atividades desenvolvidas em clubes, academias e outros espaços privados, foco principal dos bacharéis.

Dessa forma, houve uma maior oferta de cursos e aumento no número de profissionais formados em educação física, motivados por um mercado de trabalho em expansão, possibilitando uma Carreira do Profissional de Educação Física.

O que até hoje, está ocorrendo, ou seja, o mercado de trabalho para o profissional da educação física está expandindo, mas infelizmente a remuneração não segue o mesmo caminho.

Mesmo com a divisão em bacharel e licenciado, hoje, quando se fala em educação física, a ideia que a sociedade tem sobre a função de um profissional de educação física é muito abrangente, incluindo todos os campos de atuação.

Para exercer a profissão de educação física, além do diploma de graduação em uma instituição de ensino superior reconhecida pelo MEC, é obrigatório o registro no Conselho Regional de Educação Física (CREF).

O profissional de educação física não precisa obrigatoriamente ser um atleta, mas precisa conhecer a fundo as habilidades motoras de sua prática de ensino e principalmente os limites dos seus alunos.

Ter uma boa didática de ensino é fundamental, além de gostar de lidar com pessoas.

Sua principal função é promover a saúde das pessoas através da prática de atividades físicas, além de planejar, supervisionar e coordenar programas de atividades físicas, esportivas e recreativas.

De uma maneira geral, seu trabalho consiste em acompanhar e orientar as pessoas durante a prática de esportes ou exercícios físicos e seu público é bastante variado, desde crianças em idade escolar até pacientes que buscam a recuperação de movimentos.

Portanto, seu campo de atuação é vasto o que colabora para uma carreira promissora em muitas regiões do país conforme a área de atuação.

Benefícios da Atividade Física

São inúmeros os benefícios da atividade física em todas as fases da vida.

Sabendo que a atividade física é qualquer movimento corporal que o indivíduo realize utilizando seus músculos, resultando em gasto energético, podemos dizer que uma simples ida ao mercado a pé já é um exercício físico, ou seja está beneficiando a saúde.

Entre tantos benefícios, temos:

  • Melhora na Postura Corporal
  • Melhora do Tônus Muscular
  • Melhora a Circulação Sanguínea
  • Acelera o Metabolismo
  • Combate o Excesso do Peso
  • Menor Propensão a Doenças Cardíacas
  • Aumento da Produtividade
  • Combate o Estresse
  • Melhora Depressão e Ansiedade
  • Maior Disposição para Tarefas do Dia a Dia
  • Estimula o Aprendizado
  • Melhora a Produção de Catecolaminas
  • Melhora da Flexibilidade, Força e Resistência
  • Melhora a Coordenação e o Equilíbrio
  • Fortalece o Sistema Imunológico
  • Reduz o Colesterol, Glicemia, Pressão Arterial em Repouso, Dentre Outros

Todos esses benefícios contribuem para uma melhor qualidade de vida, prevenção e controle de doenças e o mais importante, redução da mortalidade relacionada a essas doenças.

Por isso a Carreira do Profissional de Educação Física é muito importante, para ajudar as pessoas atingirem esses objetivos a partir da vida saudável e prática de atividade física.

Carreira do Profissional de Educação Física: Quais Áreas posso Atuar?

A Carreira do Profissional de Educação Física é um campo muito amplo e pode ser descrito pelas atividades abaixo.

1) Licenciatura

O trabalho é totalmente voltado para docência em escolas, tanto na rede pública ou privada, ministrando aulas para o ensino básico, fundamental e médio.

2) Reabilitação

O profissional tem a função de auxiliar na recuperação de pacientes com algum tipo de lesão ou que tenham feito cirurgia recentemente, podendo atuar em hospitais e clínicas de reabilitação.

3) Esportes e Performance

O profissional atua na preparação física de atletas, tanto individual quanto coletivamente, em diferentes modalidades esportivas, a fim de promover um excelente condicionamento físico para a disputa de competições esportivas, prevenindo também diversos tipos de lesões.

4) Condicionamento Físico

Geralmente atua como Personal Trainer para otimizar o treinamento físico destinado a um indivíduo com objetivos específicos em relação a prática.

5) Gestão

Nessa área o profissional fará o gerenciamento das atividades oferecidas, como responsável técnico, em empresas que oferecem a prática de exercícios como academias, clubes, etc.

6) Lazer e Recreação

Poderá trabalhar em:

  • Hotéis
  • Spas
  • Pousadas
  • Resorts
  • Cruzeiros de Navios
  • Clubes de Esportes e de Lazer

7) Ginástica Laboral

Atuará em empresas corporativas através de exercícios que colaborem para a promoção da saúde dos funcionários.

8) Turismo Ecológico

O profissional é o responsável por desenvolver programas de esportes de aventura em meio à natureza, por exemplo:

  • Caminhadas ao Ar Livre
  • Trilhas
  • Montanhismo
  • Dentre Outros

Como unir 2 ou mais Áreas?

A Carreira do Profissional de Educação Física é um campo de trabalho é vasto. Mas todas as áreas de atuação estão abrigadas em dois nichos: licenciatura e bacharelado.

Apesar de possuírem grades curriculares semelhantes, os cursos são independentes e possuem área de atuação distinta.

Licenciatura

É a docência em escolas da educação infantil, ensino fundamental e médio, tanto na rede pública (escolas da Prefeitura e do Estado) quanto no ensino privado (escolas particulares).

O professor ensina através do movimento, o funcionamento do corpo. Que manter-se em movimento de maneira correta influencia no desenvolvimento físico, emocional, cognitivo e social de cada aluno.

Através do movimento e da socialização nas atividades físicas e no esporte dentro da escola, o professor, estimula a socialização das crianças e dos jovens, ensinando o valor do trabalho em equipe, que ganhamos e perdemos tendo que enfrentar as derrotas.

O profissional do movimento estimula também a importância de incorporar a prática de atividades físicas a sua rotina diária dos estudantes, não apenas na escola, criando um hábito de vida saudável que se perpetue ao longo de suas vidas.

Bacharelado

Tem na formação um trabalho mais dinâmico em vários ambientes.

Com essa opção de curso, o profissional pode atuar nos diversos segmentos da organização social, públicas e particulares, com exceção ao sistema escolar, como por exemplo:

  • Técnico em Esporte
  • Professor em Academias
  • Clubes Recreativos e Esportivos
  • Associações Atléticas
  • Associações Classistas Desportivas e no Desporto Comunitário
  • Hospitais
  • Hotéis
  • Programas para Terceira Idade
  • Programas de Educação Física Adaptada
  • Programas de Atividades Físicas e de Lazer
  • Programas de Ginástica Laboral em Empresas e Indústrias
  • Organização e Arbitragem de Torneios Esportivos e Personal Trainer

O campo de atuação poderá ainda expandir-se à consultoria e prestação de serviços a órgãos públicos, empreendimentos particulares e aos meios de comunicação de massa, no que se relacionar à educação física.

Para quem tem dúvidas de qual optar, poderá cursar um e depois o outro, já que a base curricular é a mesma nos primeiros semestres dos cursos.

Poderá cursar, por exemplo, o bacharelado como primeira opção e em seguida com mais um ou dois anos concluir o curso de licenciatura também, aproveitando as disciplinas básicas comuns aos dois cursos.

Assim, o leque de áreas onde é possível atuar se expande bastante e aumenta as possibilidades da Carreira do Profissional de Educação Física.

Dicas para Escolher a Área que mais se Identifica

Antes de tudo, para trabalhar com a área da educação física é necessário gostar de lidar com pessoas, pois elas serão seu público.

Além disso, como é uma área da saúde e da educação, a profissão ajuda as pessoas, ensinando-as e auxiliando-as, a ter uma vida mais saudável, refletindo no seu bem-estar e disposição.

Se esse perfil é condizente com você, com certeza poderá escolher a educação física para atuar direcionando para a área que mais se identifica.

Mais especificamente, ao optar pela licenciatura deverá ter em mente que está lidando com a fase de aprendizagem do ser humano, principalmente quando o trabalho é na educação básica, onde o trabalho gira em torno da psicomotricidade, influenciado no aprendizado e na maneira como a criança irá enfrentar o mundo.

Frente ao adolescente, o professor de educação física manterá o estímulo à socialização, a educação através do movimento, o funcionamento do corpo e os benefícios de se manter ativo para a saúde.

Optar pelo bacharelado é uma questão de variabilidade, ou seja, o profissional pode optar por uma modalidade/área e trabalhar em vários locais e até mesmo trabalhar em diferentes modalidades no mesmo local ou em locais variados.

Mas, muitas vezes é essa a necessidade do bacharel que não encontra no mercado de trabalho uma segurança financeira, trabalhar em diferentes locais para aumentar sua renda ou optar por mais de uma área para o mesmo fim.

É uma opção que confere aptidão para a prescrição e controle de atividades físicas voltadas para a manutenção da saúde e da qualidade de vida.

Conclusão

A profissão de Educação Física é fantástica devido à promoção de saúde em todas fases da vida e por isso a Carreira do Profissional de Educação Física é muito importante.

Ela influencia na aprendizagem das crianças, na educação básica e continua influenciando na aprendizagem ao longo de toda a vida, pois estimula a memória. Além disso faz a prevenção e o controle de várias doenças.

O homem necessita do movimento para a maioria de suas atividades diárias. E ensinar a ele como se movimentar de maneira correta e economizando energia é uma das funções do profissional da educação física.

Este profissional precisa ter várias qualidades, como:

  • Paciência
  • Boa Comunicação
  • Inteligência Emocional
  • Gostar de Estar em Contato com Pessoas

A partir dessa ideia é facultado ao profissional que escolher por atuar com a educação física optar por trabalhar com a licenciatura ou o bacharelado e até mesmo com as duas opções.

Mas, acima de tudo, independente dá área que escolher, entender que trabalha com uma fração do indivíduo, que é seu corpo e que esse é indissociável da mente,  tornando sua atuação imprescindível para o pleno desenvolvimento do ser humano em todas as esferas de sua vida.

E você, já sabe qual Carreira do Profissional de Educação Física você quer seguir?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *