Junte-se a mais de 150.000 pessoas

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade!

Qual o seu melhor email?

Você acabou de começar a aula de segunda à noite. Só para variar, os alunos estão um pouco cansados e cabisbaixos. O dia no trabalho foi difícil e eles ainda não se recuperaram do fim de semana – isso sem falar das várias pessoas que estão faltando. E aí, como deixar essa aula mais animada? Aí vai uma dica rápida: use exercícios em dupla no Treinamento Funcional, eles são ótimos!

Não, eles não são milagrosos e não serão capazes de consertar qualquer aula. Apesar disso, eles ajudam a criar motivação nos alunos, um fator fundamental para qualquer atividade física. Usando a formação em duplas, você será capaz de fazer os alunos interagirem e ficarem mais animados.

Se você nunca tinha pensado em usar exercícios em dupla na sua aula de Funcional, aí vão 5 motivos pelos quais você deve aderir a essa prática!

Motivo 1 para usar exercícios em dupla no Treinamento Funcional: eles aumentam a motivação dos alunos

Atividades em grupo são uma ótima maneira de melhorar a motivação do seu aluno. Não é à toa que na escola praticamos esportes em grupo e que até mesmo empresas adotam atividades em dupla ou em grupo para melhorar a conexão entre os membros de uma equipe.

Sem motivação, seu aluno acabará desistindo das aulas sem sequer chegar perto de alcançar seus objetivos. E não é isso que você quer enquanto profissional de Educação Física, não é mesmo?

Nesse sentido, os exercícios em dupla no Treinamento Funcional podem ser grandes aliados! Isso porque ter um parceiro de exercício torna tudo mais leve e dá ao aluno a noção de que ele não está sozinho. 

Motivo 2 para usar exercícios em dupla no Treinamento Funcional: criação de um círculo social 

Atualmente, as pessoas não buscam atividades físicas apenas por questão de saúde e bem estar. Pelo contrário: a questão social também é muito importante – e é um fator de destaque para o Treinamento Funcional.

É importante proporcionar ao seu aluno um local onde ele se sinta confortável, aceito e motivado. E isso pode ser feito muito bem usando os exercícios em dupla no Treinamento Funcional.

Ao propor a realização desses exercícios, você consegue criar um círculo social entre os seus alunos. Assim, eles passam a interagir mais e deixam de ser apenas um grupo de estranhos que treinam no mesmo local e horário.

Isso, inclusive, gera uma motivação a mais para que seus alunos compareçam nas aulas! Afinal, torna-se um fator extra nos inúmeros benefícios já existentes!

Motivo 3 para usar exercícios em dupla no Treinamento Funcional: incentivo ao convite de amigos

Sempre que alguém experimenta algo agradável, a tendência é que essa pessoa busque alguém que ela gosta para compartilhar daquilo, não é? Da mesma maneira, quando um aluno participa de uma aula divertida, ele certamente buscará compartilhar isso com algum amigo ou familiar.

Por isso, é provável que, ao adotar a prática de exercícios em dupla no Treinamento Funcional, seu aluno ficará mais motivado e satisfeito com o treino. Consequentemente, ele irá convidar mais pessoas a participarem das aulas.

Além disso, eles também são úteis para aumentar ainda mais a conexão entre amigos, deixando-os mais próximos. Entre criar e aprofundar amizades, todos saem ganhando!

Motivo 4 para usar exercícios em dupla no Treinamento Funcional: criação de um ambiente colaborativo

Quando cada aluno do grupo está treinando focado apenas em si mesmo, o instrutor pode deixar algum problema passar despercebido. Apesar disso, ao usar exercícios em dupla no Treinamento Funcional, uma pessoa ajudará a outra e lesões serão evitadas

Além disso, trabalhar em dupla faz com que um sentimento de colaboração seja criado, o que também é bom para o bem estar mental dos seus alunos. Sentir-se parte de um grupo também faz os alunos animarem uns aos outros.

Por exemplo: vamos considerar que você sugere uma prancha em dupla. Nesse momento, um dos alunos cansa rapidamente e tem vontade de desistir. Em uma situação como essa, a outra pessoa da dupla pode ser o diferencial para fazer esse aluno continuar.

Motivo 5 para usar exercícios em dupla no Treinamento Funcional: eles deixam a aula dinâmica

Os exercícios em dupla são muito mais divertidos de fazer e descontraem seus alunos. Assim, a aula se torna mais dinâmica, fazendo com que o aluno aproveite mais e se esforce para fazer os exercícios corretamente.

Outro ponto interessante é que usar atividades compartilhadas cria mais um foco de atenção nos alunos: seu parceiro de dupla. Dessa forma, a conversa, a ajuda mútua e a cooperação farão o tempo da aula voar! Muito melhor do que ter a sensação de uma aula longa e monótona, não é?

Dica: saiba analisar sua turma para usar exercícios em dupla

Como você já percebeu, é incrível usar exercícios em dupla no Treinamento Funcional. Apesar disso, saiba que nem todas as turmas aceitam bem esse tipo de trabalho.

Isso é similar ao que acontecia na escola, quando alguns alunos não gostavam de trabalhar em dupla ou em grupo e se isolavam em atividades do tipo. Da mesma forma, alguns alunos podem não gostar de atividades compartilhadas em sua aula. 

Tal fato pode acontecer por diversos fatores: por timidez, por não conhecer os colegas o suficiente para se sentir confortável, por ser muito competitivo ou mesmo pela existência de desafetos entre os praticantes.

Por isso, se você achou que exercícios em dupla no Treinamento Funcional são ótimos e quer utilizá-los em suas aulas, pare um pouco e pense nos seus alunos. Você acha que eles conseguirão trabalhar em dupla sem qualquer problema?

Em caso positivo, vá em frente! Tenho certeza que será ótimo! Por outro lado, caso você imagine que sua turma terá problemas para trabalhar em dupla, faça um teste e analise os resultados. Talvez essa realmente não seja a melhor ideia para eles, e tudo bem.

Conclusão

Depois de ler tudo isso, você provavelmente já está convencido dos diversos benefícios de usar exercícios em dupla no Treinamento Funcional. Para recapitular, aqui vão todos eles:

  • Eles aumentam a motivação dos alunos;
  • Criação de um círculo social;
  • Incentivo ao convite de amigos;
  • Criação de um ambiente colaborativo;
  • Eles deixam a aula dinâmica;

Muitas vezes os exercícios em dupla no Treinamento Funcional são tudo de bom para sua aula. Contanto que você saiba analisar a turma e escolher os exercícios certos, tudo dará certo. Basta planejar bem os exercícios que pretende usar. 

E então, o que achou das dicas? Irá usar os exercícios em dupla nas suas aulas de Treinamento Funcional? Comente abaixo!